Seguidores

Arquivo

CHÃO BRANCO

Tags: + + + + +

Lu, eu quero mesmo pintar o chão do meu quarto de branco. Viu que não precisa ser branco original? Acho que é tinta a óleo.

Comentar

O CHARME DO DESIGN POBRE

Tags: + + +


Comentar

MANHÃ DE SÁBADO

Tags: + +

Marido trabalhando e Mel&Merlin fazendo companhia.
De repente, se ouve uma melodia...

É o sabiá-laranjeira, que canta do alto de um galho.

E o sanhaço, que responde de outro, entre uma guloseima e outra.
Mas um outro barulho sufoca a melodia.

É um verdadeiro ninho de mafagafo com cinco macaquinhos.

Mel vai ver o que é.

O macaco pai se sente observado e não gosta.
E então acontece o esperado...

O Merlin, gato-buda, dorme, cansado disso tudo.

O sanhaço levanta vôo.


E a Mel resolve ir fazer companhia pro irmão.

Atendendo a pedidos, o créditos: fotos de marido.

Comentar

ANDORINHAS NA PAREDE

Tags: + +

Papel de parede Ferm Living.

Comentar

EU QUERO UMA CHARLES EAMES

Tags: + + + + +

Eu tenho que dividir esse achado. São preços de fabricante. Tipo a clássica Charles Eames por R$2.500,00. (Na Tok Stok ela está por R$3.795,00) Vai lá: http://www.stabilis.com.br/. E eu juro que não estou recebendo um centavo por isso.

Comentar

AMILCAR DE CASTRO

Tags: + +

Amilcar de Castro. Tem uma parede na minha casa que grita por ele.

Comentar

SWAP-O-RAMA-RAMA

Tags: + +

Encontrar um novo dono para as peças que mofavam no armário, aprender truques com retalhos e agulhas e ainda ajudar a preservar a natureza. Essa é a proposta do Swap-O-Rama-Rama, um bazar de troca e customização de roupas que começou nos EUA e já ganhou o mundo, do Canadá a Israel. Funciona assim: cada participante leva uma sacola com as roupas que não usa mais. Forma-se uma pilha com as peças e... ao ataque! Cada um escolhe o que lhe agrada. Com máquinas de costura, linhas, retalhos e balangandãs a postos, estilistas, costureiras e outros especialistas nas agulhas ensinam a dar um tchan nas roupas. No fim do corta-costura-e-borda há um desfile, e as pessoas que têm alguma ligação emocional com o modelito que botaram na roda podem contar a história dele. As peças que não encontram um novo dono são doadas a alguma instituição social da cidade. Todo mundo sai feliz, de roupa nova e sem consumir mais ainda os recursos da natureza (lembrando que grande parte de nossas vestes são de tecidos sintéticos, à base de petróleo, que causa uma poluição danada).

http://www.swaporamarama.org/

Comentar

REDUCE, REUSE, RECYCLE

Tags: + +

Reduce the amount of the Earth's resources that we use.
Reuse Don't just bin it, could someone else make use of it?
Recycle Can the materials be made into something new?
***

Isso acontece poucas vezes na vida, mudar assim os paradigmas.

A Ayla veio pra ficar conosco por três dias. Ficou 6 meses e mudou completamente a rotina da casa. Pra melhor. Ela é alemã, arquiteta, estudou na ex-Bauhaus, e mora com seu marido, também arquiteto, num pequeno vilarejo da Sardenha, ilha italiana. Dá aulas na faculdade em Cagliari, mas vive mesmo é ali, na sua pequena vila. Ganha tomates da vizinha que os planta, planta temperos em casa, compra tudo o que falta no mercadinho da vila, com sua “bolsa da Mary Poppins”. Não usa sacolas plásticas. Faz tudo por consciência de estar produzindo menos lixo e de que produtos locais não gastam combustível fóssil pra chegar na sua mão. Não é vegetariana, pois como Laconi é um vilarejo muito pequeno (uns 2000 habitantes) de pastores, o pagamento que recebe muitas vezes é em leitõezinhos.

Num primeiro momento parece uma vida chata, mas não é. Poderia ser idílica se não fosse uma vida muito real. E com ela descobri que podemos viver assim, em uma realidade consciente em qualquer lugar.

Eu moro no Rio de Janeiro, capital, em um apartamento pequeno. Hoje tenho uma horta. Quer saber como? Coloquei umas prateleiras na área de serviço e plantei em vasos tipo jardineira aquelas sementinhas de saquinho. Tenho manjericão, tomatinhos, hortelã, pimenta e plantei um gengibre pra ver se dá. Quando uso cebolinhas, enterro a parte da raiz e elas nascem. Ontem usei das minhas cebolinhas pra temperar uma sopa, você não imagina o cheiro! Agora só compro ovos do velhinho da barraquinha em frente ao supermercado, e devolvo a caixa porta ovos toda vez que vou comprar de novo. Reuse. Compro verduras e frutas na feira, às quartas-feiras. Converso com os feirantes e prefiro os que produzem na região. Reduce. O Recycle eu tenho usado muito na decoração. Pintei prateleiras velhas com tinta spray colorida e ficaram lindas. Fiz uma manta de fuxico e joguei no sofá, deu a cor que eu precisava. Pintei até molduras. Ficou ótimo.

É o exercício do consumo consciente. É a vida real. De verdade.

Comentar