Seguidores

Arquivo

ANTES & DEPOIS

Tags: + +

Hoje, pra poder ir pra cama mais cedo, vou ctrl+v um Antes&Depois fantástico, do Design Sponge. A descrição do como fazer é simples: "lixamos bastante e depois passamos 3 mãos de tinta". Básico, não?

Comentar

LISTRAS

Tags: + + + +

Mudaram meus paradigmas. Listras verticais criam a ilusão de ótica de um corpo mais volumoso - ao contrário do que sempre acreditei.

Segundo o The Times, para chegar a esta conclusão, os cientistas utilizaram 200 pares de fotos de mulheres vestidas com peças de listras verticais e horizontais. Então, pediram que um grupo de voluntários indicasse a imagem da mulher em cada par que eles considerassem mais magra. Para surpresa de todos, as mulheres quando vestidas com roupas de listras horizontais foram descritas como mais magras. Baby, eu adoro listras, e agora que estão liberadas as horizontais, que venha o guarda-roupa de marinheiro.

Ainda no assunto listras, de tanto quebrar a cabeça pra escolher a cor da parede da sala, quero deixá-las brancas mesmo. E pintar o teto da copa. De listrado. Listras são lindas, são pop e são op. Mas agora tenho que partir para a operação Convencer Marido.
Foto escaneada do meu álbum.

Há uns anos fui a uma exposição, na Escócia, de um artista chamado Jim Lambie. Ele cobriu o chão de um edifício antigo, de paredes brancas, com fita adesiva colorida. Técnica simples, ficou lindo, e depois o Lambie acabou sendo premiado com o Turner pelo seu trabalho.

Eu, que de prêmio só quero o prazer de morar numa casa bacana, lembrei do Lambie depois de ver o chão o Olle. Mas ao invés do chão, pra não cansar e para não exagerar, quero o teto. Enquanto não convenço marido, vou pesquisando padrões de listras.



E se, no final, eu não ganhar a queda de braço pelo teto listrado, quero levar como prêmio de consolação pelo menos os rodapés, que podem até ser de uma cor única, mas viva.

Comentar

FVM - ESPELHO DE LUZ

Tags: + +

Os detalhes. Então fui dar uma melhorada nos espelhos de luz. Procurarava por um duplo que fosse mais bonitinho que o velho Pial, mas ou era low-tech ou brega. E quanto mais brega, mais caro.

O único espelho simples que tínhamos em casa já vestia a fantasia de gato. A tomada dupla da bancada da cozinha é que era o caso. Como não achei nada que me apetecesse, peguei um pedaço de tecido, cola branca e mãos à obra. O resultado:

Então hoje vi um trabalho parecido, só que com gravata antiga. Recycle. Reuse.

Você só precisa de tecido, cola branca e tesoura.

Fonte.

Comentar

10 MOTIVOS PARA DECORAR SUA CASA

Tags: + + +

de cor
do Lat. decorare

v. tr., aprender de memória; reter na memória.

v. tr., ornamentar; enfeitar, adornar.

***
Ontem fizemos um petit comitê em casa, alguns dos poucos e melhores amigos – do tipo que se conta nos dedos de uma mão. Dois deles compraram um apartamento na mesma época que eu, gastaram uma pequena fortuna com reforma e arquitetos e pararam no começo: o fôlego acabou. Perderam o prazer. E a casa ficou assim: um acampamento.

Pensando no que eles disseram (e também numa idéia que vem e vai, sobre a futilidade do assunto deste blog) resolvi procurar em mim, e nos arredores, 10 motivos para tratar da decoração da casa. Meu objetivo é te inspirar, e inspirá-los, e em troca autoafirmar que não gasto o meu tempo – compilando, pesquisando, escolhendo as melhores fotos e temas - à toa.
Vamos aos motivos – por que decorar?

1. Para se sentir bem e praticar o hedonismo solidário. Sua casa é onde você passa grande parte da vida, e se você não se sente bem nela, você não se sente bem em grande parte de sua vida. Quem cede à beleza, ao prazer e ao gosto pela vida diariamente, não só se sente mais feliz todos os dias como tem menos chance de entrar em depressão quando as coisas realmente ficam difíceis demais. Hedonismo não é um palavrão nem uma filosofia irresponsável. Então, pra deixarmos um pouco de sermos individualistas e possibilitar o prazer também pros olhos dos outros, embelezemos nossa casa! E comecemos pelas áreas onde podemos receber pessoas. Beleza solidária, baby. Got it?

2. Para exercitar o cérebro. Exercitar a criatividade faz bem pro cérebro e te deixa de humor mais leve. Inventar algo novo, pintar uma moldura, fazer uma dobradura para um móbile, tudo isso deixa a sua casa mais bela, mas também deixa a sua mente mais jovem.

3. Para aprender a planejar. Decorar uma casa inclui fazer contas, elaborar um planejamento, definir prioridades. Aprender a fazer bem estas coisas te ajuda em outros campos da vida.

4. Para aprender sobre o tempo das coisas. Fazer tudo, rapidamente, e o mais barato possível é uma aposta perdida. Comece pequeno, se dê tempo para mudar de idéia. Construa suas confianças (porque certezas, meu amor, dificilmente você vai ter). Quando você se sentir bem com relação a uma escolha, aí é hora de colocá-la em prática. Se não conseguir de decidir, desista, parta para outra etapa, e volte a essa depois. Deixe suas idéias amadurecerem.

5. Para otimizar o tempo, e economizar dinheiro. Decorar torna sua vida melhor, pois uma casa bem decorada é, em geral, uma casa mais organizada. Cada coisa em seu lugar reduz o tempo para limpar/arrumar a casa. E diminui também o tempo para achar as coisas. E economiza seu dinheiro, uma vez que muita gente paga multa por não achar as contas.

6. Para aprender a ser eco-responsável. Procure fazer escolhas ecologicamente conscientes, como priorizar a iluminação natural e o consumo moderado de água. Reaproveite o que puder, compre peças usadas e renove-as. Doe móveis e peças que ainda podem ser usadas por outras pessoas. Isso não é só moderno, isso é inteligente.

7. Para aprender a usar as cores em seu favor: induzir sensações. A escolha da cor nas paredes é importante porque influencia o humor (calma), a sensação térmica (frio/quente) e até a sua energia (relaxante/revigorante).

8. Para cultivar sua memória. Uma parede de fotografias, a escrivaninha do seu avô, a colcha que a sua avó bordou, o seu primeiro canivete. Coisas que fazem parte da memória ausente, da memória presente, coisas que lembram quem você é. Quando mudamos uma planta de vaso não é importante que ela vá com um pouco da terra do vaso anterior? Pois então, certos objetos são o seu grosso da terra. Adicione emoção à sua casa.

9. Para não supervalorizar. Não adianta colocar aquela cadeira de design numa posição de destaque, mas que atrapalha a circulação da casa. Oscar Niemeyer disse uma vez que o importante não é a arquitetura, é a vida. Decorar sua própria casa, com carinho, e aos poucos, passa pelo aprendizado de não achar importantíssima a compra daquela mesa caríssima, ou a contratação daquele decorador das estrelas. Às vezes uma mesa é só uma mesa, e é assim que deve ser.

10. Para valorizar as pequenas alegrias. Não é de uma felicidade encantadora olhar para aquela parede linda que você pintou? É importante dar valor as alegriazinhas, às pequenas coisas simples da vida, porque as grandes alegrias não acontecem em número suficiente para manter você feliz.

Então é isso. E o que eu puder fazer pra te ajudar a fazer uma decoração mais barata, mais bonita e mais interessante, pode ter certeza que vou fazer.

***

Leia também:
Hedonismo solidário.
Recicle, Reuse, Reduza.
Orçamento baixo.

Comentar

KNAPPA x ALCACHOFRA

Tags: + + + +

No momento em que um objeto se torna um clássico do design, o seu preço dispara. É uma condição sine qua non.

A belíssima luminária Alcachofra (Artichoke) custa uns 5 mil euros.

Uma outra condição sine qua non é que clássicos são copiados em versões mais baratas. E hoje, visitando a loja de material de construção Casa Show vi esta peça por R$139,00. Tudo bem, que a mesma luminária com o nome de Knappa é vendida por USD30 na IKEA, mas não é ruim, né?



A luminária Alcachofra é do designer dinamarquês Poul Henningsen (1894-1967).

Comentar

CIRCUITO RIOSHOW DE GASTRONOMIA

Tags:

Post rapidinho. Dicas de culinária de grandes chefs e aulas-degustação com o que há de mais saboroso na gastronomia brasileira. Começa dia 1º de outubro, a 5ª edição do Circuito Rio Show de Gastronomia. O evento reunirá durante cinco dias o melhor da cozinha carioca no Museu de Arte Moderna, no centro da cidade. Você mora no Rio e gosta de Gastronomia? Aproveita, que as inscrições estão abertas.

Comentar

DIVERSÃO

Tags: + +


7_30_erin_wasson1119

Seguinte, adoro uma peça antiga, mas um objeto divertido traz um outro astral pro ambiente. É o caso da sala da modelo Erin Wasson. Só que nem sempre dá pra escancarar na extravagância sem que nossa casa perca a nossa cara. Nesses casos é melhor um objeto menor, um quadro, uma almofada, uma luminária.
Eu adoro a Mr. P One Man Shy Lamp, que na Casa Cor Rio 2008 decora a garagem. Custa uns 100 USD + frete na Hot Flamingo. No Brasil não sei onde vende, mas deve ser beeem mais cara.
A luminária coelho da Moooi também é ótima, e não tem como coelho não lembrar Alice. Se dinheiro não é uma questão pra você,custa 539 USD na Unica + frete.


Mas a grata surpresa é que tem coisa muito bacana no mercado nacional. E em tempos de oscilação do dólar, em bons e velhos reais. A luminária Anão de Jardim que faz referências ótimas ao Philip Stark e à Amelie Poulain, custa R$139,00 na Imaginarium. E a ótima Raio X sai pelos melhores R$81,40. E ainda dá pra pagar em 4x.

Então, se quer dar um toque modernete na decoração clássica, go for it!

Comentar

VIDRO DE SE VER

Tags: + + + +


A minha avó Ana era bugre, quase selvagem. Eu amava aqueles cabelos lisos e grossos, ainda escuros. Meu pai herdou dela o ímpeto, a natureza forte, a capacidade de seguir seus próprios instintos e uma energia que não acaba nunca. A herança chegou em mim aguada.

Vó Ana morou na fazenda por toda a vida, gostava de viver só com seus pensamentos. Tinha costumes que até hoje franzo a testa pra tentar lembrar e entender. Um deles eu entendo agora. Quando a tarde caía, ela colocava um candeeiro aceso em frente ao espelho. Eu achava isso mágico. Tolinha... ela era prática.

Li que antes da eletricidade, época dos candeeiros e lampiões, os espelhos eram usados para amplificar a luz. E que a mesma idéia funciona muito bem quando colocamos um espelho perto da janela: aumenta-se a luz e o ambiente.

Então eu arregacei as mangas, convidei marido e chamei a Angela de guia. Juntos fomos a um brechó em Niterói, o White Elephant, e trouxemos de lá um espelho de metro e meio, que vou colocar numa parede ao lado da janela.

Então é isso, seja pra aumentar o espaço, seja pra trazer mais luz, seja pra afastar os espíritos da escuridão, tire proveito dos espelhos.

"I'll put you through into Looking-glass House. How would you like that?"

Comentar

DESIGN MITOLÓGICO

Tags: + +

Imagine a cena: você chega na minha casa e eu digo, "senta ali". Mas ali onde? "Ali, na cabeça do Hércules".

9-23-soft-hercules-1.jpg

A empresa londrina de design FAT (Fashion Architecture Taste) criou este banco a partir de um busto de Hércules. Então, você agora pode sentar no famoso herói grego. O banco é feito de borracha, daquele tipo usado em bolinhas anti-stress.

9-23-soft-hercules-2.jpg

Via Apartment Therapy New York. Veja outros trabalhos do FAT neste website.

Comentar

APARTAMENTO PEQUENO, CRIATIVIDADE CONCENTRADA

Tags: + + + + +


Era uma vez, e eu vinte e poucos. Já morava há uns anos em república. Tava terminando a faculdade de Farmácia, me esforçando na faculdade de Artes Cênicas, ralando na pesquisa de biotecnologia e viajando nos fins de semana com um projeto de cinema na praça, na sacristia, no clube da terceira idade. Era uma época em que dormia umas quatro horas por noite e a vida andava muito rápido.

Então resolvi que de tudo que eu tinha só me faltava a liberdade. Uma liberdade máxima de não ter obrigações sociais republicanas. Talvez seja difícil pra quem não morou em Ouro Preto, república tradicional, entender. Mas minhas responsabilidades como decana eram muitas. Então joguei a toalha e procurei um ap pra morar sozinha.

Peraí, ap? Em Ouro Preto? Onde as casas são centenárias? Pois é, pra conseguir um canto que coubesse na minha mesada, e não faltasse espaço pra essa tal de liberdade, gastei muita sola de tênis. Fui a velórios (a casa poderia ficar vaga...), batia na porta das pessoas. Tomei muito café em casa de gente que não conhecia. Andei morro acima, andei morro abaixo. Sentei muitas vezes pra descansar num daqueles bancos de ponte.

Aí um dia, quando já julgava não ser mais possível, fui fazer uma boa ação (aplicar injeção num velhinho) e ele tinha uma casinha pra alugar. Quarto, sala, cozinha, área e um pequeno escritório. 30m2. Foi a menor e mais bonitinha casa em que morei. Coloquei até papel de parede no escritório, fiz uma hortinha suspensa. Uma graça. E, definitivamente, descobri que o tamanho da sua casa não é diretamente proporcional às possibilidades. Às vezes, menores espaços significam mais cuidado concentrado, e mais soluções criativas.

Comentar

PRATOS NA PAREDE

Tags: + + +

A minha avó tem pratos na parede, então pratos na parede me lembram a minha avó. Durante muito tempo pratos na parede foram out. Então, quando fui a Monastiraki (tipo o Saara de Atenas) trouxe um prato pra ela, comprado de um grego que falava português, e azulejos coloridos para mim. Uma mera versão de pratos na parede. Agora é in de novo. E eu, (mais madura?) me sinto uma idiota de ter ligado alguma vez para isso que chamam moda.

Comentar

CORES

Tags: + + + + +

Angela, lavanda pra você, azul pra mim. Quando começam os trabalhos?

tinelila664
***

Comentar