Seguidores

Arquivo

PAREDES FALAM

Adoro paredes cheias de referências. Frases, objetos, quadros. É o mais próximo de uma instalação que consigo chegar a um custo mais baixo. É charmoso, interessante e diz muito sobre quem mora ali.

Ano passado compramos uma xilogravura de uma senhora que promovia uma espécie de Garage Sale no Santa Teresa de Portas Abertas por R$10. Agora, às voltas com o processo de encher paredes, percebemos que esta gravura é do J. Borges. Uma história.

Três fotos antigas que comprei em Murano, Burano e Veneza (01 em cada) me falam um pouco sobre cada um desses lugares. Me dão lembranças. Emoldurei. Outra história.

Entrei num sex shop e coloquei uma peruca black power, fui clicada por um amigo que não vejo há anos. Mais história.

Paredes cheias contam muitas histórias.