Seguidores

Arquivo

POESIA CONCRETA


Quando eu acho que acabou, que já me abismei o suficiente com as possibilidades do concreto, vem isso. Tá ali, o cimento queimado normalíssimo. Você molha, e o desenho aparece. O invento se chama Solid Poetry, e é holandês, do Studio Frederik Molenschot.