Top Ad unit 728 × 90

Tutoriais:

TUTORIAL

Veja como reformar/estofar uma cadeira antiga e ainda criar uma estampa original!


Tá pensando em reformar aquela cadeira antiguinha da sala com as suas próprias mãos? A gente te ensina o beabá pra dar certo!

Todo blog de do it yourself (faça você mesmo /a) que se preze tem que ter a reforma de algum móvel encontrado no lixo, não é mesmo :-P? Por aqui já apareceram alguns, mas a história de hoje é diferente. A cadeira que nós usamos foi encontrada no lixo (foto abaixo à esquerda) há alguns anos e foi o primeiro projeto de reestofamento feito aqui. E aí, como todo primeiro projeto, ele não ficou dos melhores, mas foi lindo aos nossos olhos. :-)


E foi por muito tempo. Até o momento em que dissemos: "Chega! É hora de melhorar!". Afinal, tanto anos se passaram, mudanças são bem-vindas :-P. Daí aproveitamos para fotografar e criar um post sobre como reestofar cadeiras sem precisar recorrer a ninguém (talvez só à uma terceira mão amiga). Ah! No nosso caso, também criamos a estampa do tecido, tornando-a única. Esse processo a gente também te ensina ;-)

MATERIAL PARA REFORMAR / ESTOFAR UMA CADEIRA ANTIGA
  • Tecido
  • Grampeador de tapeceiro
  • Espuma na medida do assento e do encosto
  • Cadeira
  • Tachinhas
  • Tinta para tecido* e pincel (opcional)
  • Spray impermeabilizante* (opcional)
* Não usamos tinta para tecido simplesmente porque não tinha nenhuma cor que gostássemos por perto. Mas, se você for comprar, recomendamos fortemente que você compre uma tinta própria para tecido, que tem melhor fixação. Para que a tinta acrílica não saia e nem manche se cair água, usamos um spray impermeabilizante (como o Scotch Gard ou o Impermax, da Wurth - que tínhamos aqui) na cadeira pronta. Essa é sempre uma boa ideia (usar impermeabilizante em estofados), mas nem sempre o spray é acessível ou fácil de encontrar :-/.

COMO FAZER: TUTORIAL PARA REFORMAR / ESTOFAR UMA CADEIRA ANTIGA

PASSO 1: Remova o assento e as costas da cadeira (geralmente eles estão presos por alguns parafusos) e retire o tecido antigo, se quiser, use um removedor de grampo para realizar essa tarefa. Aproveite esse tecido removido para ter uma noção do tamanho que você precisa do novo.

PASSO 2: Caso o pano que cobria a sua cadeira já esteja desgastado ou não exista mais e você não tenha nada para lhe dar uma noção do quanto precisa, o que nós costumamos fazer é cortar o tecido com uma sobra de 15cm em todos os lados da espuma que será envelopada. Lembre-se de deixar uma sobra suficiente para grampear por trás, como era antes.


PASSO 3: Nós queríamos uma estampa original, então resolvemos pintar o nosso pano, mas esse passo é opcional ;-). O processo foi muito simples: diluímos a tinta acrílica em um pouquinho de água, estendemos o tecido no chão e, do alto e com a ajuda de um pincel, respingamos a tinta nele.

Uma boa dica é testar primeiro em um papelão para perceber como você prefere o movimento da sua mão e com qual altura você quer trabalhar (quando você se aproxima do tecido, o caminho da tinta fica mais aparente). Espere secar bem.


PASSO 4: Com o tecido seco, posicione-o sobre um superfície lisa, com a estampa virada para baixo. Caso você tenha escolhido uma padronagem que tenha uma direção, atente para o fato de que ela deve ficar na posição correta. Por cima, coloque a espuma e o encosto da cadeira.

PASSO 5: Agora é hora de ver seu projeto ganhar vida! Você vai querer que o seu tecido fique sem rugas, bem lisinho e para isso tem uma tática: puxe o tecido por trás do costas da cadeira e grampeie primeiro no centro. Depois, puxe bem o tecido no lado oposto e grampeie novamente no meio. Prenda primeiro quatro grampos, um de cada lado dos dois primeiros. E depois vá trabalhando ao redor. Não se esqueça de sempre puxar bem o tecido. Repita esse processo com o assento da cadeira.


PASSO 6: Como nesse modelo de cadeira as costas ficam visíveis, nós achamos essencial dar um acabamento para elas, ou seja, esconder a madeira que não foi "embrulhada". Para fazer esse acabamento, cortamos um outro pedaço de tecido com medidas um pouco maiores do que as da área descoberta, dobramos suas extremidades para dentro e prendemos na cadeira usando tachinhas, dando marteladas para fixar bem (Viu que demais nosso martelo rosa?! Foi só pintar com tinta spray fosca!).


PASSO 7: Quando você terminar, é só aparafusar tudo de volta no corpo da cadeira e colocá-la em algum ponto de destaque da sua casa. Afinal, um trabalho feito com tanto carinho merece a atenção de todos né :-)?!


♥︎ Atenção: Tenha em mente que a primeira vez que você for estofar uma cadeira vai ficar maisomenu. A segunda vai ficar melhor. Na terceira já vai ser profissa :-). Mas não deixa isso te abalar. Aqui no dcoracao.com, a gente defende que, quando um projeto é feito com carinho, vale mais do que o objeto mais caro da loja. :-)
Veja como reformar/estofar uma cadeira antiga e ainda criar uma estampa original! Reviewed by dcoracao.com - redação on . Tá pensando em reformar aquela cadeira antiguinha da sala com as suas próprias mãos? A gente te e... Rating: 5

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *